quinta-feira, 20 de setembro de 2007

Nossa II Jornada de Lazer e Turismo

Estar em uma universidade nova significa fazer as coisas do início, sempre. Mas tem seu lado positivo, a gente faz do nosso jeito. Cria-se um sentimento de pertencimento que vai crescendo. Este ano a Jornada 19 e 20/09) foi aberta ao público e teve boa recepção. Veio gente até de Diamantino (MT) e do interior de São Paulo, além do povo da USP-Leste.

Foi legal porque coincidiu com a semana de Moda do curso de Tecnologia Têxtil, então as exposições, reuniões e agitos ficaram mais intensos.

Parece que a área acadêmica de turismo volta a crescer novamente, com maior percepção de realidade. A revista Isto É de 12/09 publicou uma matéria sobre as novas profissões e o turismo foi enfocado direitinho: junto com lazer, hospitalidade, entretenimento. Eu ainda incluo cultura, esportes e varejo. Turismo é serviço. Demorou para as pessoas perceberem essa coisa óbvia neste país e ainda nem todos(as) sacaram as novas realidades (que têm 30 anos!).

De vez em quando volta a questão da regulamentação da profissão. É f...! Regulamentar o quê? Para quê? Como? Se todo mundo insere turismo no setor de serviços é para que a gente trabalhe, se desenvolva, invista em centenas de áreas possíveis e isso implica em mercado competitivo e aberto, sem essas frescuras arcaicas de regulamentar. Deve-se regulamentar a atividade profissional, isso sim. E exigir qualidade dos cursos e programas educacionais para a área. Mas, desde 1996, fala-se muito sobre isso e pouco se faz. O resultado é que os cursos ordinários estão fechando ou diminuindo o número de turmas. Apenas os mais descolados, sérios e inseridos na realidade da sociedade e do mercado estão se mantendo e crescendo.

Minha amiga, a profa. Regina Almeida, me passou os 10 mandamentos da UNESCO (e são de 1998) para o estudante universitário do século 21. Saca só:

1. seja flexível, isto é, não se especialize em demasia
2. invista na criatividade e não apenas no conhecimento
3. aprenda a lidar com a incerteza
4. prepare-se para estudar durante toda a vida
5. tenha habilidades sociais e capacidade de expressão
6. saiba trabalhar em grupo
7. assuma responsabilidades
8. seja empreendedor, crie o seu emprego
9. entenda as diferenças culturais na globalização
10. entenda as novas tecnologias com oa internet.

Sem isso, você está fora! Vai firme.

5 comentários:

Alex disse...

Olha só, professor Trigo tem Blog!

Ficou legal a Jornada desse ano, teve uma hora no fim da tarde do dia 20 que o pátio em frente a biblioteca ficou lotado, muito legal!!!

Mas a parte mais divertida foi o sorteio de brindes, quase todo mundo surtando, hsuahsauhausa, inesquecível.

*Anotando os 10 mandamentos da UNESCO...

Sds

Eduardo disse...

A II Jornada foi muito boa. A mudança do formato com os mini-cursos e workshops para atender os diferentes interesses foi uma ótima mudança, na minha opinião. Sem contar que desta vez a Universidade entrou em contato com turismólogos de fora.

Obrigado pelas "10 dicas para se tornar um profissional de sucesso". Agora eu sei de onde o Max Gehringer tira os seus conselhos...

Wilca disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cris disse...

Sem dúvida a Jornada superou todas as expectativas!!!! Parabéns pela qualidade em todos os aspectos!!!!

Muito obrigada pelo carinho, atenção, hospitalidade com todos!!!!

Abraços do pessoal do Mato Grosso!!!!

luciene disse...

Nao posso fazer comet�rios qto a primeira jornada, mas a segunda, foi muito interessante, atual e de altissima qualidade... Ultrapassou as nossas expectativas, com toda certeza!!!! E podem contar com o MT novamente nas proximas!!!
PS: ADOREI A CONTINUACAO DO CAUS AEREO PARA MINI CURSO ANO QUE VEM!!!KKKKKKKKKKKKKKK... ESTE EU NAO PERCO!!!
oBRIGADA PELO CARINHO!!!
Bjus Matogrossenses!!!!
Luciene