domingo, 31 de agosto de 2008

Chile - uma terra muito boa




Vista da cordilheira dos Andes, a bordo do novíssimo B-777 da TAM.



Estou em Santiago, Chile. Vim no novo Boeing 777-300 da TAM. Voei na sexta-feira e o jato tinha apenas 4 dias de uso, aliás o sistema de entretenimento de bordo estava sendo acertado. Pelo menos os avionics navegacionais e operacionais já estavam OK. Está sendo utilizado em rotas curtas e depois fará as rotas mais longas para Europa. Uma delícia de jato, classe economica ampla com assentos confortáveis.




Outra delícia é Santiago. Vim para fazer roteiros de eno-gastronomia. Inverno suave, dias claros, povo tranquilo.




No primeiro dia fui ao Pueblito de los Dominicos, um lugar de artesanato de ótima qualidade, ao lado de uma antiga igreja missionária Dominicana. Coisas lindas, baratas e um lugar agradável. O páis todo é agradável, fazia 28 anos desde minha última visita ao Chile.




Um jantar especial foi no "De cangrejo a Conejo", um restaurante descoladíssimo, com cozinha de autor (Av. Itália, 805), com peixes excelentes, uma sobremesa cool (frutas vermelhas fescas, com sorvete de creme e calda de framboesa) e vinhos decentes. Outro bom restaurante de pescados e meriscos é o "Coco Loco", perto do bairro Providencia.




Hoje fui visitar a vinícola Concha Y Toro e almocei na vinícola Santa Rita. Inebriantes visitas com uma comida decente e bem servida. Evitei ir nas indefectíveis vans de turistas. Estou com um casal de amigos da Universidade Federal de Pelotas (RS) e alugamos um taxi para ir aos roteiros de nossa escolha. Nada de grupos, lugares comuns ou gente chata. O motorista é discreto, um professor de matemática que deixou a docencia para ganhar dinheiro dirigindo um taxi limpo e novo. Sem molestar os passageiros.




No primeiro dia fomos ao Mercado Central comer nos restaurantes de peixes e mariscos. Interessante.




O próximo passeio é para a Cordilheira. Conto depois, assim como postarei as fotos em breve.


Um comentário:

Mizinhaa disse...

vista mui bela ! ^^